Nesse artigo iremos aprender:

A segurança no condomínio é uma das questões mais importantes para garantir o bem estar das pessoas em suas residências ou local de trabalho. Segundo dados da Secretaria de Segurança Pública do Brasil (SSP), apenas no estado de São Paulo, o número de roubos e assaltos a condomínios cresceu 56% em 2018

Outra informação que merece atenção, segundo especialistas em segurança pública, é que em 90% dos casos as invasões ocorrem diretamente pela portaria. Para impedir que seu condomínio faça parte dessas estatísticas, é necessário planejar estratégias para melhorar a segurança geral do condomínio.

Melhorar a segurança no condomínio envolve vários fatores, desde a implantação de sistemas e tecnologias até a conduta dos funcionários e moradores. Portanto, para que os resultados sejam satisfatórios, é importante estruturar cada um desses aspectos.

Veja sobre como seu condomínio pode oferecer mais acessibilidade

7 Dicas para Aumentar a Segurança no Condomínio

1. Defina regras e políticas

Para que todos os envolvidos saibam exatamente quais suas funções principais necessárias para garantir a segurança, a administradora de condomínios precisa criar padrões, regras e políticas claras e bem planejadas. Esta é uma maneira assertiva de aconselhar sobre medidas preventivas e corretivas que devem ser tomadas em diferentes situações do dia a dia.

Além da conscientização dos funcionários e moradores,é interessante oferecer treinamentos constantes também aos empregados para que estejam sempre alerta, se conscientizem e atualizem sobre estratégias, métodos e novos modelos de segurança que podem ser adotados.

2. Conte com profissionais experientes

Não faz sentido investir em modernos equipamentos de segurança se os funcionários da empresa desconhecem a segurança do condomínio. Portanto, ao contratar um novo funcionário, é necessário avaliar cuidadosamente a experiência de cada profissional e se eles conhecem medidas preventivas a serem tomadas diariamente para garantir que os riscos e vulnerabilidades sejam minimizados.

3. Invista em segurança eletrônica

Para um sistema de segurança verdadeiramente eficiente no condomínio é essencial investir em segurança eletrônica, com o objetivo de garantir maior suporte e controle aos funcionários. No entanto, implementar soluções sem um projeto bem definido não é suficiente.

É necessária uma análise técnica feita por profissionais especializados, capazes de identificar as melhores soluções. Além disso, é recomendável treinar toda a equipe para usar corretamente os recursos disponíveis.

Possíveis investimentos incluem:

  • Sistemas de CFTV que incluem câmeras de segurança em pontos vulneráveis ​​do condomínio, em elevadores e principais pontos de circulação;
  • Botões de pânico em pontos estratégicos que permitem que o centro de monitoramento seja ativado em caso de emergência;
  • Cercas e sensores elétricos para segurança do perímetro;
  • Sistemas de alarme de monitoramento 24 horas;
  • Sistemas de controle de acesso.

Saiba também o que influencia a valorização do imóvel!

4. Use tecnologia para controle de acesso

É importante ter soluções de tecnologia que, ao mesmo tempo em que ofereçam comodidade aos proprietários, garantam ainda que o empreendimento esteja protegido contra a ação de invasores.

Não é incomum encontrar condomínios que ainda não investem em recursos modernos para controle de acesso do usuário. Através de uma solução de acesso digital com o conceito de Inteligência Artificial, é possível fornecer aos usuários tráfego fácil e seguro para instalações prediais.

Além desse benefício, o uso de software que pode ser acessado via smartphone a qualquer momento ainda possui várias outras vantagens.

Outro benefício desse sistema é a liberação eficiente da entrada, permissão de acesso de convidados por meio de convites personalizados e capacidade de criar vários níveis de permissão de entrada no condomínio para aumentar a segurança.

5. Áreas comuns iluminadas e monitoradas

Membros do conselho do condomínio devem trabalhar para que todas as áreas comuns do condomínio estejam visíveis e sejam monitoradas. Quanto menos locais escuros e sem monitoramento por câmera tiverem, menos chances de invasões seu condomínio terá, uma vez que ninguém irá querer ficar exposto.

Os criminosos estão cada vez mais habilidosos em identificar falhas e lacunas na segurança para conseguir acessar o condomínio. Implemente áreas iluminadas em todo condomínio. 

Leia também sobre as atribuições do síndico de condomínio.

6. Monitoramento remoto e acesso remoto para entregas

À medida que cada vez mais pessoas realizam compras online, a entrega de pacotes agora se tornou uma preocupação de segurança nos condomínios. Uma solução é o gerenciamento de pacotes remoto feito por uma equipe de segurança terceirizada contratada que permite o acesso da entrega dos pacotes em uma sala separada e protegida do tráfego de pessoas. 

7. Elevadores com câmeras

As câmeras nos elevadores são importantes, assim como na portaria, playground, salão de festas ou outras áreas comuns do condomínio que merecem ser supervisionadas. Além do fato da segurança referente à invasões, a segurança nos elevadores também está relacionada ao conforto e bem estar dos condôminos. Com isso, você deve se preocupar em realizar a manutenção periódica dos elevadores para que estejam sempre funcionando dentro das normas e livre de problemas. 

Quais das medidas de segurança você já aplica no seu condomínio? O que seria interessante rever? 

Fonte: https://www.access.run/en/2019/08/4-tips-for-improving-security-in-the-condominium/

https://pom-tec.com/blog/5-tips-to-improve-condo-and-apartment-security-systems/

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer juntar-se a discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *