Nesse artigo iremos aprender:

O conserto de elevadores se faz necessário em qual ocasião? Quem vive ou trabalha em prédios e edifícios mais altos já está acostumado a usar elevadores diariamente e nem sempre paramos para pensar sobre como àquela máquina funciona e nem quais os cuidados importantes que devem ser tomados para mantê-la em funcionamento e sem colocar a segurança das pessoas em risco.

É para tudo isso que existe a manutenção e conserto de elevadores, um tema extremamente importante e que deve ser levado em consideração pela administração dos condomínios. Você tem dúvidas sobre esse assunto? Não sabe qual o período ideal entre cada manutenção e nem quais os pontos mais importantes sobre esse serviço? Então continue a leitura e veja todas as dicas importantes que listamos abaixo!

Manutenção e conserto de elevadores deve ser mensal

A manutenção preventiva é extremamente importante, e é ela que garante que nenhum acidente acontecerá com as suas máquinas. Mas, para que exista eficiência, é essencial respeitar o prazo estipulado, que é de um mês entre uma manutenção e outra.

Muitas pessoas acabam não considerando esse prazo, acreditando que, pelo fato dos seus elevadores não estarem apresentando nenhum problema visível, a manutenção não precisa ser feita. Realizar o conserto de elevadores quando os mesmos apresentam problemas é o mínimo que um síndico pode fazer para garantir o bem estar dos condôminos. 

Mas, se preocupar com a manutenção preventiva é uma das coisas mais importantes, pois o elevador pode já ter uma peça em processo de desgaste e quando o problema aparecer, já pode ser tarde. Por isso que, na maioria das vezes, uma manutenção periódica pode ser mais econômica para um prédio do que o conserto de elevadores em casos de avarias. 

Conferência de portas automáticas

Toda vez que for realizado conserto de elevadores de carga, monta-carga ou de pessoas, as portas automáticas devem ser conferidas. Isso porque as portas automáticas são itens importantes para manter a segurança dos passageiros, impedindo a queda em fossos abertos e outras situações de risco. 

Parece algo tão simples, mas muitos são os casos de pessoas que não verificam se o elevador realmente se encontra parado no andar, e assim que as portas se abrem acabam caindo no fosso e causando graves acidentes. 

Para se prevenir desse e outros problemas existe a manutenção e conserto de elevadores, pois evita que as portas se abram sozinhas ou ainda que se abram sem que o elevador esteja realmente parado no andar. Caso você note que é muito fácil abrir a porta do elevador em questão, interdite a máquina e chame imediatamente a assistência, pois esse é um indício claro de problemas.

Funcionamento do sistema de alarme e de comunicação

Em uma situação de emergência, é o sistema de alarme e o interfone que garantirá a segurança dos passageiros, além de trazer mais tranquilidade ao passageiro, até que o problema seja resolvido. Mas, é claro que para isso, é essencial que esses itens estejam em pleno funcionamento. 

Por isso, essa é uma parte importante da manutenção preventiva mensal – realizando uma inspeção minuciosa e evitando que problemas nesses equipamentos coloquem em risco a vida dos seus passageiros.

Vistoria completa deve ser feita uma vez por ano

Além das manutenções mensais e o conserto de elevadores quando necessário, é essencial que a equipe realize uma inspeção mais detalhada, ao menos, uma vez por ano, analisando o funcionamento da casa de máquinas, o estado geral das peças dos elevadores e até outros detalhes que podem interferir na segurança, como a falta de sinalização adequada ou de bom uso das máquinas pelos condôminos.

Cuide também da casa de máquinas

Muitos síndicos pensam que os cuidados com os elevadores devem se restringir apenas aos equipamentos, mas isso não é verdade. A casa de máquinas é um espaço extremamente importante e também deve ter cuidados específicos, visando a sua correta preservação.

É fundamental que o acesso a esse ambiente seja restrito, evitando que moradores ou pessoas não autorizadas entrem no local. Quando você for inspecionar esse local, fique atento a possíveis manchas de óleo no chão ou infiltrações, que podem indicar problemas e riscos à segurança.

Também é essencial garantir que esse local não seja usado para fins de depósito ou almoxarifado, complicando o acesso da equipe especializada quando uma manutenção de emergência precisar ser realizada, por exemplo.

Sinalize quando a manutenção estiver sendo realizada

É muito importante que o síndico ou os administradores do condomínio se lembrem de avisar os moradores de que a manutenção ou conserto de elevadores será realizado em determinado dia e horário, além de deixar isso claro através de sinalizações – se certificando de que todos saibam que o elevador em questão não está em uso no momento.

Você pode usar placas de sinalização no térreo e na garagem, além de colocar placas nas portas dos elevadores em todos os andares, evitando que alguém desavisado tente acionar o equipamento. Outro ponto importante é garantir que, durante a manutenção, as chaves de energia elétrica sejam desligadas.

Problemas principais dos elevadores

Muitas falhas do equipamento podem ser evitadas com inspeção e manutenção preventiva adequada. A manutenção regular ajuda a reduzir o consumo de energia em 15%.

Longos tempos de espera e quebras frequentes refletem um sinal de desgaste. Superaquecimento, alto consumo de energia e baixo fator de potência podem não ser problemas óbvios, mas incorrem em altos custos. A implementação de práticas simples de manutenção de motores e conserto de elevadores pode ajudar a diminuir as despesas e o tempo de inatividade.

Abaixo, examinamos alguns dos problemas mais comuns do elevador e fornecemos soluções para evitar o tempo de inatividade do elevador:

Problema: Polias Desgastadas

Solução: Reestruturação da polia

As roldanas gastas colocam desgaste extra nas cordas, o que, por sua vez, aumenta o nível de desgaste nas roldanas. Isso cria um ciclo de destruição para os dois principais componentes.

As roldanas podem ser recolocadas ou substituídas para evitar falha prematura do cabo, portanto, vale a pena verificar os perfis das ranhuras para consultar como está o encaixe entre as cordas e a roldana.

Problema: falha de energia

Solução: Inspeção por infravermelho

Os elevadores exigem uma grande quantidade de energia principalmente em edifícios comerciais, de modo que as atualizações na tensão do sistema podem afetar as operações do motor ou até danificar o sistema do elevador. Elevadores com histórico de falhas no motor ou problemas de operação devem ser submetidos a uma pesquisa de qualidade de energia. A termografia por infravermelho mede mudanças drásticas de temperatura e pode identificar possíveis pontos de problemas antes que causem falhas de alto custo no sistema.

Problema: Contaminação

Solução: Análise de óleo e lubrificação

Quando o desgaste ocorre, pequenas partículas de metal são liberadas no óleo e podem interferir no bom funcionamento do sistema de elevador. Da mesma forma, lubrificação inadequada ou vedações desgastadas podem causar contaminação. Chame uma empresa confiável para verificar se há indícios no óleo que possam comprovar contaminação ou desgaste dentro de um motor.

Uma alta presença de bronze no óleo da caixa de engrenagens pode indicar desgaste prematuro na coroa de um elevador de engrenagens ou alta concentração de alumínio no tanque hidráulico pode indicar desgaste da carcaça da bomba em um elevador hidráulico.

Problema: Rolamentos barulhentos ou mau funcionamento do rolamento

Solução: Absorventes indutivos

Você sabia que o mau funcionamento do rolamento causa mais da metade de todas as falhas do motor? Rolamentos barulhentos são frequentemente atribuídos a vibrações dentro do motor. Embora os inversores de frequência variável sejam úteis para diminuir o uso de energia do seu motor, eles introduzem corrente de modo comum – um subproduto prejudicial que pode aumentar essas vibrações a níveis perigosos através do desgaste prematuro do rolamento causado por corrente perdida.

Uma solução para esse problema pode ser utilizar absorvente indutivos que absorvem as correntes e protegem seu sistema contra possíveis falhas. Além disso, assegure-se de que todos os aterramentos estejam protegidos e conectados para minimizar problemas causados por ruídos elétricos no solo que possam danificar os sistemas.

Problema: Acionamento do motor desalinhado

Solução: Alinhamento do motor

Quando um motor elétrico é acoplado a outra peça de equipamento, o alinhamento do eixo se torna crítico. Sem alinhamento correto, os rolamentos do motor começam a se desgastar. O desalinhamento do eixo pode ser detectado usando equipamento avançado de medição a laser ou simplesmente empregando uma régua e uma corda.

5 principais dicas de manutenção de elevadores

Manter seus elevadores em ótimas condições de trabalho é vital para mover pessoas para dentro e fora de seu prédio, sejam clientes, funcionários ou moradores com segurança. Procurando evitar uma parada repentina do elevador? Siga estas cinco dicas fáceis para garantir a manutenção adequada e a viagem segura de todos os passageiros.

1- Mantenha um registro dos problemas operacionais do seu elevador

Qualquer problema que ocorrer no seu elevador você deve registrar, por menor que seja o problema. Anote também ruídos estranhos e os horários que eles costumam acontecer e identifique padrões dentro dessas anotações. Quando for chamar a empresa de manutenção dos elevadores, você terá todo um relatório para reportar e facilitar o trabalho dos responsáveis.

2- Realize inspeções diárias

A realização de inspeções diárias é de suma importância para verificar se não há nenhum defeito ou avaria no elevador. Se estiver em condições normais, basta seguir em frente. Caso tenha algum problema, anote. 

3- Evite produtos de limpeza industriais

Os mecanismos internos de um elevador podem ser propensos à corrosão quando uma substância inadequada é utilizada. Produtos de limpeza industriais fortes podem causar corrosão e levar a falhas mecânicas internas.

Para evitar esse problema é extremamente contra-indicado o uso de produtos de limpeza nos elevadores, a menos que você tenha um produto de limpeza recomendado pelo fornecedor do elevador. 

4- Siga as recomendações de peso do fabricante

Se seus elevadores forem usados ​​para o transporte de cargas ou itens pesados ​​em geral, verifique se a equipe que gerencia esse processo está ciente das indicações de peso para seus elevadores. 

Sobrecarregar um elevador pode causar um desgaste das peças, levando a problemas de funcionamento e colocando em risco os passageiros. Evite transportar algo que pesa mais de um quarto da capacidade máxima total do elevador. Você deve instalar outro elevador de serviço e manutenção dedicado para atender a essas necessidades, se forem necessárias para o seu prédio ou empresa.

5- Acompanhe os serviços de manutenção de elevadores

É essencial que, quando os serviços de manutenção e conserto de elevadores forem realizados, alguém acompanhe as equipes, analisando os serviços que estão sendo feitos e se as peças trocadas estão condizentes com a ficha de detalhamento da manutenção. Esse acompanhamento pode ser feito tanto pelo síndico, como pelo zelador ou por alguém da administração.

Conte com uma empresa idônea para manutenção

A manutenção de elevadores é um serviço extremamente importante, capaz de garantir a segurança de todos os condôminos e visitantes. Justamente por isso deve ser realizada por uma empresa confiável, conhecida no setor e com experiência e expertise na área.

Na hora de encontrar a prestadora de serviços ideal, busque saber mais sobre a respeitabilidade da marca, o grau de capacitação dos funcionários, se a empresa possui um engenheiro responsável, se possui autorização de funcionamento e também quais serviços constam no contrato de manutenção.

O mínimo que se espera é que, em uma visita mensal, os técnicos realizem a lubrificação dos componentes, realizem testes de segurança e façam a limpeza geral e pequenos ajustes. Se isso não estiver sendo feito no seu condomínio, ou se o nível de serviço prestado esteja abaixo do esperado, talvez seja o momento certo de realizar a troca da empresa de manutenção de elevadores.

A Espel Elevadores é uma empresa com mais de 30 anos de experiência no setor e que trabalha com fabricação, instalação e manutenção de elevadores residenciais, prediais, elétricos ou hidráulicos

Artigos relacionados:

Já fez a manutenção preventiva e corretiva esse ano? Gostou desse conteúdo? Se você ainda tem dúvidas sobre o assunto, deixe um comentário pra gente!

Fontes: 

http://www.mowreyelevator.com/industry-updates/5-things-know-elevator-maintenance/
https://blog.devicemagic.com/elevator-maintenance-checklist-what-to-include

Deixe seu e-mail e receba conteúdos exclusivos

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer juntar-se a discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *